Gruta das aparições em Lourdes vai reabrir ao público

Peregrinos e visitantes do Brasil e América do sul poderão voltar a “passar pela cavidade da Rocha de Massabielle, sob os pés da Virgem Maria, Imaculada Conceição, tocar a rocha e aproximar-se da fonte”, ao lado do santuário, anunciou a organização em um comunicado de imprensa.

Em 1858, Lourdes tinha pouco mais de 4.000 habitantes quando a Virgem apareceu à jovem Bernadette Soubirous. Em 11 de fevereiro de 1858, Bernadette foi ao rochedo de Massabielle , nas margens do Gave, para ali recolher madeira morta. Este lugar é chamado de “tutte de porco”, tão sujo e escuro que é. É aqui que Bernadette ouve “como uma rajada de vento”. Ela então vê uma Senhora na rocha, esta é a primeira aparição. 17 outras se seguirão, até 16 de julho de 1858.

TOCAR A ROCHA

Impossibilitados devido à crise sanitária, os peregrinos poderão agora chegar o mais perto possível da Gruta das Aparições e tocar na rocha a partir de 11 de fevereiro de 2022 ao meio-dia. Para permitir a realização deste gesto simbólico, serão postas em prática medidas sanitárias, incluindo o uso da máscara.

Lourdes: segunda cidade da França em orferta hoteleira, depois de Paris

O fechamento desta gruta, onde se diz ter aparecido a Virgem Maria a Bernadette Soubirous em 1858, pesou muito na frequência da segunda cidade hoteleira da França, depois de Paris, que tem 14.000 habitantes e é completamente dependente do turismo. Antes da pandemia, muitos pacientes, turistas e visitantes de todas as religiões visitavam Lourdes, em busca de cura, em meio aos 3,5 milhões de visitantes anuais. O interior da gruta estará novamente acessível a partir das 12h de sexta-feira, durante a oração do Angelus.

Fonte: Lourdes Tourisme

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

4 + dezoito =