Dicas de Toulouse, capital da Occitânia, no sul da França

Escrever sobre Toulouse, a capital da Occitânia, é sempre muito bom.

Toulouse é dividida pelo rio Garonne e está localizada perto da fronteira espanhola. A cidade é conhecida como La Ville Rose (“A Cidade Rosa”), por conta dos tijolos de terracota usados em muitas construções. O Canal do Midi, do século XVII, liga o rio Garona ao Mar Mediterrâneo e pode ser percorrido de barco, bicicleta ou a pé, um passeio que é muito relaxante e familiar.

Podemos dizer que Toulouse é sim uma cidade grande, uma metrópole, está localizada mais claramente entre os Pireneus e e o Mediterrâneo, é a capital do Rugby, uma cidade que tem múltiplas facetas, pode acreditar. E em tempos de pandemia, está se reinventando para iniciar o mês de junho acolhendo os turistas com uma nova forma, um novo turismo surge desde já.

Com 480 mil habitantes, Toulouse é por assim dizer uma cidade medieval, porque não, com um passado incrível e ainda é a 4ª capital da França. É única, atrai investidores e viajantes do mundo todo, pela sua convivialidade, doçura de viver e sua “art de vivre”.

Todo o centro está construído no tal tijolo rosa e inúmeros monumentos estão classificados como patrimônio cultural pela Unesco, a visita é à pé. Com o charme da época, lugares culturais únicos.

O “Canal du Midi” por exemplo, ou hotéis e prédios que datam da renascença.

Há 100 anos o primeiro avião decolou de Toulouse. A primeira aeronáutica e espacial do mundo foi em Toulouse. Um dos pontos turísticos hoje na cidade é a Cité de l’espace, um centro de descobertas científicas focado no espaço e na conquista do espaço. Foi inaugurado em junho de 1997 e está localizado na periferia leste de Toulouse. Somente este lugar recebe mais de 5 milhões de visitantes por ano. Lembre-se, não é bem um museu mas sim um local de visita imersiva. Recentemente novas atividades foram implementadas para crianças de 03 a 07 anos de idade.

Gostou das dicas? Entre em contato conosco para organizar sua viagem à Toulouse!

Já a Aeroscópia que está à alguns anos ao lado da Airbus, apresenta os velhos e mais recentes aviões e aí sim, trata-se de um museu aeronáutico com aviões incríveis, Concorde, Airbus A300B, Super Guppy entre outros.

Outro local para visitar em Toulouse é o L’envol de pioniers, é para viver à época mágica da aeronáutica. Com roupas típicas, é o inicio da aviação civil. Muito à pena visitar. Em 25 de dezembro de 1918, Pierre Georges Latécoère decolou do aeródromo de Toulouse-Montaudran a bordo de um Salmson 2A2  e desembarcou em Barcelona 2h20m depois. Acabou de criar a primeira linha aérea aérea francesa. Uma visita incrível por aqui também.

Quando chegamos em Toulouse, o cais da Garonne é o point para visitar e caminhar, observar o pôr do sol ou visitar os quase 200 jardins da cidades. O jardim japonês é uma dica. Um minotauro de 14 metros está lá.

La “Mairie e a Opéra de Toulouse” estão abertos também para visitas, com praças, fontes, caminhadas com produtos locais. É considerada a mais bonita da França. Passear pelas ruas de com seus antiquários e de lojas de artes também é um must.

Toulouse sempre teve a imagem de cidade industrial, mas lembre-se também que a cidade tem 2.000 anos de história e jamais foi destruída, então possui um patrimônio muito importante e de dar inveja à muitas capitais mundiais. Uma cidade rosa mas também verde, com muita água.

O turismo em família em Toulouse será ser muito importante neste verão de 2020. Os quartos nos hotéis, por exemplo, serão montados em quádruplos para acomodar famílias, haverão descontos de todos os tipos. Atividades mais dedicadas às famílias, em diversos pontos e segmentos, afinal de contas o desconfinamento deve seguir as normas e regulamentos do governo.

A cidade é orientada normalmente para o Turismo de negócios, por isso aos finais de semanas e períodos mais calmos, surgem promoções interessantes.

O turismo sustentável é o que irá marcar essa temporada. Lagos, montanhas, e visitando tudo de bike mesmo, é a dica para essa nova temporada que se aproxima. A cidade estará pronta, sim, com certeza e de coração aberto.

Dica de visita: La maison de la violette com produtos originais e artesanais da região.

Graine de Pastel também é originário de Toulouse oferece produtos de beleza, que tal ? Para as mãos, o rosto, o corpo, produtos para a casa e fragrâncias incríveis.

Inúmeros restaurantes também oferecem a culinária local mas é claro que a especialidade que melhor lembramos de Toulouse é claramente o cassoulet toulousain uma espécie de feijoada à francesa.

A tarte aux abricots ou torta de damasco é uma sobremesa típica da região, mas também o Fenetra é uma sobremesa de Toulouse, também local, seria um bolo.

Não esqueça de visitar Le Couvent des Jacobins, uma igreja que tem arquitetura impressionante, uma igreja católica romana, um grande edifício de tijolos cuja construção começou em 1230 e cuja arquitetura influenciou o desenvolvimento do estilo gótico. As relíquias de Tomás de Aquino estão lá.

É um local onde os estudantes durante o ano estão a visitar. É um local mágico.

Não esqueça de consultar o Turismo Francês quando precisar programar o roteiro para Toulouse, consulte sempre um agente de viagens especializado no destino.

Fonte: Podcasts “Voayagez en France” de Saliha Hadj-Djilani, em entrevista com o vice-presidente de Toulouse e encarregado pelo turismo, Jean-Claude Dardelet.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

2 × um =